TÓPICOS

O e-mail também contamina

O e-mail também contamina


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Ao receber um e-mail, já é um clássico que no fundo haja uma lenda ambiental como "pensa antes de imprimir este mail, o consumo de papel provoca o abate massivo de árvores" Em outros casos, os e-mails de serviços sugerem optar por faturas online, inclusive, dando a você alguns benefícios extras.

Mas você já se perguntou quanta energia é consumida para enviar um e-mail e se é poluente?

Na França, eles perceberam que o envio de emails gera poluição e as grandes empresas foram solicitadas a limitar o uso de emails, especialmente o envio em massa de campanhas publicitárias. O objetivo: economizar energia.

Em números, mais de 250.000 milhões de emails são enviados todos os dias. Desse montante, cerca de 80% é spam que vai para a bandeja do "lixo eletrônico" e outra que nunca abrimos e apagamos na lixeira.

Quanto um email contamina?

A pergunta de um milhão de dólares é quanta energia é usada cada vez que enviamos um e-mail. É difícil quantificar porque não é algo palpável como uma carta em que se pode avaliar o papel, carimbo, tinta, etc.

Mas sabe-se que por trás de cada envio de um e-mail existe toda uma infra-estrutura que, mesmo que você não veja, existe. Escrever uma mensagem, enviá-la e armazená-la implica um consumo significativo de recursos que normalmente não vemos.

Para torná-lo um pouco mais visível, um grupo de pesquisadores estudou a quantidade de gás de efeito estufa (CO2) produzida cada vez que enviamos um e-mail para medir seu impacto no meio ambiente.

Os resultados estimam que um e-mail padrão tem um impacto de 4 gramas de CO2 e um e-mail com anexo pode chegar a 50 gramas. Mas isso é muito ou pouco? Para você ver melhor, segundo o especialista Mike Berners-Lee, o uso do e-mail durante o período de um ano pode gerar 136 quilos de CO2, ou seja, viajar 322 quilômetros de carro. Certamente muito mais do que você pensava.

A Agência Francesa para o Meio Ambiente e Controle de Energia é mais pessimista. Calcule as emissões de CO2 de um e-mail entre duas pessoas com 19 gramas. Com 20 e-mails, consumiria tanta energia quanto viajar uma viagem de 1.000 km.

Se transferirmos essas estimativas para a esfera empresarial, os números disparam. Por exemplo, em 2010 foram gerados 130 milhões de toneladas de CO2, montante que pode chegar a 340 milhões em 2020, segundo especialistas.

Então no próximo envio pense duas vezes ... talvez uma pequena contribuição seja usar texto simples e quando precisar enviar imagens, faça em baixa resolução.

E não é apenas o envio de e-mails que gera poluição, o uso generalizado da internet também tem seus custos ambientais.


Vídeo: Configurando Email Corporativo No Android (Julho 2022).


Comentários:

  1. Julian

    Eu penso que eles estão errados. Escreva para mim em PM, fale.

  2. Conn

    e outra variante é?

  3. Miguel

    Uma opção possível adicional?

  4. Kagajas

    Excelente frase e é devidamente

  5. Voodoozragore

    Legal, mas não faz sentido !!!



Escreve uma mensagem