TÓPICOS

Segundo pré-emergência ambiental decretado na capital chilena devido à alta poluição

Segundo pré-emergência ambiental decretado na capital chilena devido à alta poluição


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

O governo de Santiago do Chile decretou nesta quinta-feira o segundo pré-emergência ambiental do ano, depois do último dia 8 de junho, devido aos altos níveis de poluição que afetam a cidade, de quase sete milhões de habitantes, informaram fontes oficiais.

A medida inclui a restrição de condução de 20 por cento dos veículos com catalisador (selo verde) cujas placas terminam em 2 ou 3 e para 60% daqueles sem este dispositivo, cujas placas terminam em 3, 4 5, 6, 7 ou 8, segundo comunicado oficial.

A restrição vai das 07:30 (11:30 GMT) às 21:00 (01:00 GMT da sexta-feira) em Santiago e nos municípios vizinhos de San Bernardo e Puente Alto e envolve um total de cerca de 260.000 veículos motorizados fora de circulação.

A medida também inclui a paralisação, ao mesmo tempo, de um total de 1.215 fontes fixas de poluição, em sua maioria indústrias, sendo proibidos o uso de lenha e as queimadas agrícolas.

A pré-emergência ambiental também inclui recomendações para restringir as aulas de educação física nas escolas e as atividades esportivas ao ar livre.

Santiago é considerada uma das cidades mais poluídas da América Latina, e há mais de 20 anos registra episódios constantes de alertas ambientais.

EFEverde



Vídeo: Lei de Crimes Ambientais - Lei 960598 - Crimes Ambientais (Pode 2022).